Buscar o cliente e conquistá-lo é uma tarefa que deve ser muito bem estudada e planejada. O objetivo principal é aumentar o volume de vendas, mas engana-se a empresa que acha que isso deve ser feito a qualquer preço. Por mais óbvio que isso pareça, não podemos esquecer que a satisfação do cliente vem em primeiro lugar, afinal, isso dará continuidade para outras vendas bem sucedidas.
Abaixo, as dicas do site Atitudes e Negócios, que trazem dentre diversos tópicos, um item fundamental: Comprometimento com a verdade “Cuide também para que tudo que foi estabelecido no contrato de venda seja cumprido. Cliente satisfeito tem grandes chances de ser um cliente leal e sinônimo de empresa de sucesso”.
  1. Foco no Cliente

Você deve ter claramente a definição de seu avatar (público alvo), conhecimento suas necessidades, seus anseios, suas dores e desenvolver um plano que possa resolver a solução que ele precisa por meio de um atendimento personalizado que o faça se sentir único e especial.

  1. Dizer a verdade somente a verdade

Identificado a necessidade de seu cliente é preciso criar maneiras convincentes de atraí-los, de conquistá-los, para isso, é preciso o uso de boas técnicas de persuasão. Mas em hipótese alguma, deve-se mentir ou omitir alguma informação de seu produto e serviço. Lembre-se a transparência é a chave de relacionamentos duradouros

  1. Preço Justo

Para que se tenha boas vendas é preciso ter atenção no preço de venda que deve ser competitivo  e de acordo com a qualidade do produto ou serviço vendido.

  1. Comissionamento e Bonificação

Comissionamento na prática é uma política organizacional variável que se paga um percentual toda vez que o vendedor fecha uma venda e bonificação é um valor fixo que pode ser pago por alcance de metas. É preciso determinar em qual dessas duas formas a empresa irá trabalhar podendo escolher as duas formas, mas é muito importante deixar claro na hora de formular o planejamento estratégico de vendas.

  1. Custos Fixos e Custos Variáveis

Na hora de montar sua estratégia de vendas leve em consideração os custos fixos e custos variáveis que devem ser reconhecidos e inseridos na formulação do preço de venda. Cuide também para que seu preço de venda tenha capacidade para cobrir comissionamento que é uma despesa variável também.

  1. Entrega dentro dos Parâmetros Prometidos

O prazo de entrega deve ser plausível com a capacidade de estocagem da empresa, por isso, se deve ter atenção na hora de fechar uma venda, se a empresa será capaz de cumprir com o prazo prometido. Cuide também para que tudo que foi estabelecido no contrato de venda seja cumprido. Cliente satisfeito tem grandes chances de ser um cliente leal e sinônimo de empresa de sucesso.

  1. Qualidade

A qualidade é um fator muito importante na hora de elaborar um plano de ação de vendas, sendo um diferencial a ser destacado na hora de apresentar ao cliente seu produto. Zele pela qualidade sempre.

  1. Metas

Trabalhar com metas é melhor forma de conquistar objetivos dentro de uma empresa. Boas equipes de vendas gostam e se sentem entusiasmadas a trabalhar com metas. Crie metas de vendas para curto, médio e longo prazo, acompanhando e avaliando sempre os resultados atingidos. Mas cuide para que seja algo tangível dentro da realidade da empresa e do mercado.

  1. Indicadores de Vendas

Para acompanhar suas vendas é necessária a utilização de indicadores de vendas. São eles que irão que lhe informar como andam o desempenho de sua equipe de vendas e se os resultados que estão sendo alcançados são de acordo com as metas estabelecidas.

Exemplos de indicadores de vendas: quantidades de clientes perdidos, quantidades de vendas canceladas, quantidades de contratos fechados por período, total de carteira de clientes, satisfação dos clientes, reclamações, devoluções, etc.

Através dos indicadores é possível verificar se a estratégia montada está sendo eficiente, e você pode ainda, ajustar pontos falhos e visualizar o que está dando certo para sua empresa.

  1. Pós – vendas

Se você não realiza o pós-vendas em sua empresa comece imediatamente, porque o pós-venda é uma etapa primordial para contatos futuros com o mesmo cliente, para fortalecer sua marca no coração do cliente demonstrando a ele o quanto é especial e importante para sua empresa.

Além de poder medir a satisfação que seu produto deu ao cliente isso fortifica a possibilidade de uma nova negociação futura.

Fonte: http://atitudeenegocios.com/planejamento-estrategico-de-vendas/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *